Domingo, 17 de Outubro de 2021
27°

Pancada de chuva

Brasilândia - MS

BIOLOGIA EM FOCO Escorpiões

Saiba mais sobre os escorpiões e como tentar evitar a proliferação do mesmo

Artigo escrito por Renato Zorzan

04/02/2018 às 09h53 Atualizada em 04/02/2018 às 10h13
Por: Redação Fonte: Redação
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

Verão chegou...e nessa época do ano a proliferação e ataques por escorpiões se tornam quase que corriqueiros. Portanto é muito importante saber mais a respeito desse grande vilão que atinge quase todo o Brasil nessa época do ano, e em Brasilândia não é diferente!

Saiba mais sobre o Escorpião com o biólogo Renato Zorzan.

 

       Tityus serrulatus (conhecido com escorpião amarelo) da classe dos Aracnídeos, da ordem Scorpiones, seu tamanho pode chegar a 7 cm. São animais solitários, porém em áreas urbanas concentram-se em locais de fácil acesso à comida e ao abrigo. A estação do verão, sem dúvida proporciona a este animal, uma das melhores condições climáticas, para reproduzir se, podem ser encontradas em quintais, redes de esgoto, ralos de banheiros, ou até mesmo em outros cômodos da casa, possui uma alimentação bem diversificada de pequenos invertebrados ( baratas,cupins, grilos, etc ).

 

A espécie T. serrulatus (escorpião amarelo) reproduz-se por partenogênese, assim todo indivíduo adulto pode parir sem a necessidade de acasalamento. O período entre o nascimento e a dispersão dos filhotes varia bastante, é de aproximadamente 14 dias, os filhotes são carregados no dorso do animal.

      É a espécie brasileira da família dos Aracnídeos, mais perigoso do ponto de vista médico, nas estatísticas de acidentes. Este animal é responsável por 98% dos casos fatais no Brasil. No ano de 2006, foi responsável por 36 mil casos de acidentes com o escorpião.

 A gravidade pode ser maior quando ocorrem com crianças, idosos ou portadores de deficiência imunológica em caso de acidente com o animal, recomenda-se Limpar o local com água e sabão, procurar orientação médica imediata e mais próxima do local da ocorrência do acidente (UBS, posto de saúde, hospital de referência).

   Se for possível, capturar o animal e levá-lo ao serviço de saúde, pois a identificação do escorpião causador do acidente pode auxiliar o diagnóstico.

     Estes animais com as adaptações evolutivas podem ficar até um ano sem comer ou beber água, é uma animal de difícil erradicação, por agentes químicos é necessário adotar medidas preventivas e evitar o acesso do animal a estabelecimentos e residências, colocando panos nas portas dificultando a entrada, tapando ralos, limpando os quintais de troncos, galhos e folhas secas caídas, evitar o acumulo de material de construção (pilhas de telhas e tijolos, blocos de cimento, entulho) entre estas e outras medidas preventivas é possível controlar as populações de escorpiões pelo risco que representam para a saúde

     De acordo com o inciso 10 do art. 3º da Portaria MS/GM nº 1.172, de 15 de junho de 2004, referente à organização do Sistema Único de Saúde (SUS) e às atribuições relacionadas à vigilância em saúde, compete ao município o registro, a captura, a apreensão e a eliminação de animais que representem risco à saúde do homem, cabendo ao estado a supervisão, vale ressaltar que o manejo de escorpiões exige uma série de cuidados, o que deve ser feito de preferência por um profissional.

     É de extrema importância, avisar os órgãos competentes como CCZ, a ocorrências destes animais na residência, para uma melhor ação de monitoramento da ocorrência de escorpiões por parte da vigilância em saúde, que são órgãos municipais responsáveis pelo controle de agravos e doenças transmitidas por animais (zoonoses).

(Autor Renato da Silva Zorzan,formação acadêmica em Ciências Biológicas (UFMS)Mestrando pela UFMS,Dinâmicas Ambientais,sub-área Geografia da Saúde.)

Fonte Bibliográfica

www.biomax-mep.com.br/escorpiao-amarelo-altas-temperaturas-favorecem-a-disseminacao.>acesso 02-02-2018.

WWW.saude.gov.br.2009.>acesso 02-02-2018.

 

Brasilândia - MS Atualizado às 21h04 - Fonte: ClimaTempo
27°
Pancada de chuva

Mín. 22° Máx. 31°

Seg 28°C 20°C
Ter 25°C 18°C
Qua 27°C 17°C
Qui 29°C 15°C
Sex 31°C 17°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Enquete
Ele1 - Criar site de notícias